É com profunda tristeza que a Bancada do Partido Verde, vem à público lamentar a queda de uma aeronave fretada pelo Exército Brasileiro, ocorrida no final da manhã de ontem, dia 03, no município do Cantá, em Roraima, e que resultou na morte de 4 (quatro) pessoas, e uma quinta que foi socorrida em estado grave ao Hospital Geral de Roraima, com 50% do corpo queimado.

Neste acidente morreram o piloto da aeronave, MARCOS COSTA JARDIM e outras 3 (três) pessoas, todos agentes ambientais do Ibama: o SEBASTIÃO LIMA FERREIRA JÚNIOR do Ibama de Roraima, o OLAVO PERIM GALVÃO, do Ibama do Espírito Santo, e o ALEXANDRE ROCHINSKI, do Ibama de Santa Catarina, além do único sobrevivente, o agente ambiental LAZLO MACEDO DE CARVALHO, também do Ibama de Santos/SP.

Todos esses agentes ambientais do Ibama participavam da Operação Curare e estavam se dirigindo ao local da operação na Terra Indígena Yanomami, em Roraima, exatamente para combater garimpos e desmatamentos ilegais, além de outros crimes ambientais, em toda extensão da fronteira daquele Estado.

Em nome da Bancada do Partido Verde e em nome de todos que se preocupam com a proteção do meio ambiente, queremos solidarizar-se com as famílias, com os colegas e dirigentes do Ibama, além dos amigos desses servidores, que morreram trabalhando pela causa ambiental.

BANCADA DO PARTIDO VERDE